terça-feira, 14 de maio de 2013

Trabalhando a Mesopotâmia com música popular


(Esquema do cotidiano mesopotâmico produzido pela aluna  Michele dos Santos Cardoso do 6º ano VII)

Na tentativa de fixar as principais características da Mesopotâmia nas cabeçinhas dos sextos anos tive a ideia de trabalhar uma música leve (Casinha) produzida por um artista catarinense (Armandinho). O resultado foi muito satisfatório, as crianças gostaram, participaram e se interessaram pela aula por isso vou deixar essa técnica como sugestão aqui no blog para quem tiver interesse em tentar algo novo. Confira a letra da música acompanhada dos questionamentos que você pode levantar:


Fazer uma casinha no alto do morro Perto do que os mesopotâmicos construíam suas casas?
é tudo o que eu pedi pra Jah                      O Armandinho é Monoteísta? E os mesopotâmicos?
Sair dessa cidade soltar o meu cachorro             Que animais eram criados na Mesopotâmia? 
Fugir da Babilônia (repete)     O que era a Babilônia? Que construção importante ela abrigou?

Aqui eu sou marajá                                 Quem era a pessoa mais importante na Mesopotâmia?
A natureza é minha luxúria,       A natureza também era importante na Mesopotâmia? Por quê?
Viver de frente pro mar,                                         Os mesopotâmicos viviam de frente pra onde?
Sei que DEUS me ajudará (2x)   Aonde os mesopotâmicos iam para pedir ajuda aos deuses?

Fazer uma casinha no alto do morro
é tudo o que eu pedi pra Jah
Sair dessa cidade soltar o meu cachorro
Fugir da Babilônia (repete)

E quando a noite chegar,
Brisa do oeste soprar,
Sinto a esperança no ar,
Maré cheia ajudará (repete)                            Que cheia ajudava os mesopotâmicos? Por quê?

A felicidade se encontra
Nas coisas mais simples da terra,
Às vezes a paz de um sorriso
Pode desarmar uma guerra                         Haviam muitas guerras na Mesopotâmia? Por quê?

Aqui to mais perto de DEUS, O que eles construíam para ficar perto dos deuses na Mesopotâmia?
Curtindo meu filho brincar,                                             Como eram as famílias da Mesopotâmia?
Cidade vou dizer adeus,                                               Como eram as cidades da Mesopotâmia?
Não sei se eu vou voltar. 

Fazer uma casinha no alto do morro
é tudo o que eu pedi pra Jah
Sair dessa cidade soltar o meu cachorro
Fugir da Babilônia (repete)

Um comentário:

Emmanuel Noimann disse...

Uma das melhores ideias que já vi...
Parabéns Professora...